Blog do Bruno Voloch

23/01/2009

Aos 43 anos, Irina Kirilova deve ser convocada para a seleção da Rússia

O principal problema do vôlei feminino da Rússia pode estar perto de ser resolvido.

Segundo fontes da federação, a levantadora Irina Kirilova que voltou às quadras recentemente, deve mesmo ter uma oportunidade na seleção já em 2009.

Aos 43 anos de idade, Irina vem jogando normalmente pelo Dínamo de Moscou e se encontra muito bem física e tecnicamente. Irina já confidenciou aos familiares e companheiras de Dínamo que deseja jogar o mundial de 2010. 

Enquanto esteve "aposentada", Irina foi assistente de Giovani Caprara na seleção.

Por Bruno Voloch às 12h31

Perugia "classifica" novamente o Odinstovo

O Zarechie Odinstovo da campeã olímpica Walewska vai jogar a segunda fase da liga dos campeões.

A vaga foi conseguida porque o Perugia da Itália será sede do final four e com isso passa a ter presença garantida entre os quatro finalistas.

O Odinstovo, que até então estava eliminado, "fica " com a última vaga e será adversário do Pesaro da Itália que é comandado pelo brasileiro José Roberto Guimarães já na próxima fase do torneio.

Por Bruno Voloch às 11h41

21/01/2009

Zebra na Rússia

O Zarechie Odintsovo, equipe das brasileiras Walewska e Marcelle, está fora da fase final da Champions League 2008/2009. Na última rodada, o time venceu o Martinus Amstelveen da Holanda, na Holanda, por 3 sets a 2, mas não conseguiu a classificação. Em função de alguns tropeços, o Odisntovo  ficou em terceiro lugar no quesito desempate com o Farmutil Pila. Além disso, perdeu a chance de avançar como um dos dois melhores terceiros colocados de todos os grupos, também pelo desempate nos sets. Não era para ser.

Para se ter uma noção do que representa a desclassificação do Odisntovo, seria o mesmo que numa fase preliminar de Libertadores com equipes Peruanas , Bolivianas e Venezuelanas no grupo, um time brasileiro não conseguisse a vaga entre os 3 melhores .

Para piorar, um dos principais rivais do Odisntovo, o Dínamo Moscou tem a melhor campanha na Chanpions e segue invicto com apenas um set perdido. O italiano Scavolini Pesaro, de Zé oberto Guimarães e Jaqueline também não perdeu ainda, mas tem dois sets perdidos. É cedo, mas o Dínamo pinta como grande favorito ao título.  

Por Bruno Voloch às 20h15

Bola dentro da Ulbra

A Ulbra, que atravessa sérios problemas financeiros, anunciou que o nome do novo técnico do time é Marcos Miranda.  Marcão assume no lugar de Chico dos Santos que foi demitido. 

Ele dirigiu a equipe russa do Lokomotic Beogorod na última temporada onde trabalhou com o oposto Samuel. Marcão ainda estava na Rússia, mas como auxiliar técnico de Andrew Chinnov.

Acho Marcão, um dos grandes treinadores do vôlei brasileiro. Cara correto, leal, que sabe dar treino e é extremamente dedicado.  Marcão tem a simpatia da maioria dos jogadores que trabalha e merecia já há algum tempo uma nova oportunidade no vôlei brasileiro, especialmente depois do ótimo trabalho feito no Minas antes de seguir carreira na Europa.

Foi de fato uma bola dentro da Ulbra.

Por Bruno Voloch às 20h07

19/01/2009

Pesaro bem na fita ...

O Pesaro, dirigido pelo brasileiro José Roberto Guimarães, caminha firme rumo ao título do campeonato italiano. Nesse fim de semana, o Pesaro ganhou de três a zero do Chieri e chegou invicto aos 43 pontos.

A ponta brasileira Jaqueline teve ótima atuação, mas Carolina Costagrande foi a melhor em quadra.

Por Bruno Voloch às 08h30

Giba x Dante

Que Superliga nada! O destaque do fim de semana chega da Rússia, mais precisamente do clássico entre o Iskra Odintsovo e Dínamo Moscou.

No duelo entre Giba, pelo Odinstovo e Dante defendendo o Dínamo, deu Odinstovo por 3 sets a 2.  O time de Giba manteve a liderança da competição.

Giba, se recuperando de uma catapora fez 11 pontos, atrás de seu companheiro de equipe o oposto alemão Jochen Scops que anotou 19 . Dante foi a estrela e saiu aplaudido de quadra mesmo como visitante marcando 24 pontos .     

Por Bruno Voloch às 08h19

Sobre o autor

Carioca, tem mais de 20 anos de profissão. Iniciou a carreira na extinta TV Manchete em 1988. Foram 6 anos até ser contrato pela Band Rio em 1994. No ano seguinte estava no Sportv/Globo onde foi idealizador e apresentador do programa Supervolley. Atuou como repórter de 1995 até 2003, e participou da cobertura dos campeonatos brasileiros de 1995 a 2003 em jogos ao vivo. Em 2004 se transferiu para o Bandsports, onde criou e comandou os programas "Roda de vôlei "e Linha de 3". Foi apresentador e comentarista de vôlei e basquete do canal. Em 2008 acumulou a função de diretor de jornalismo até setembro de 2009. De 2007 até 2009 foi colunista da rádio Bandnews FM do Rio e trabalhou nos jornais Lance e Jornal dos Sports. Participou da cobertura de 3 Copas do Mundo, 3 Olimpíadas e das últimas 3 últimas edições do Pan. Hoje é colunista do Jornal do Brasil e comenta futebol para a Bandnews FM/Rio de Janeiro e rádio Terê FM/Rio de Janeiro. É especialista em vôlei.

Sobre o blog

Opinião e informação sobre o que de mais relevante ocorre no vôlei no Brasil e no mundo.

Histórico

© 1996-2009 UOL - O melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.